A Defesa de Dilma feita por José Eduardo Cardozo não convence

"Numa época de mentiras universais, dizer a verdade é um ato revolucionário." George Orwell (escritor e jornalista) 







Caros amigos e inimigos leitores,




O advogado geral da União, José Eduardo Cardozo não convence! Foi feita de maneira vistosa mas não se sustenta porque apelou dizendo que o impeachment é golpe e, dizer isso, é apelar para um argumento surrado, fraco e inconsistente.
Além do mais, apelar para um tipo de defesa que já foi desmoralizado mostra que a defesas não trouxe novos argumentos - e que sejam consistentes - para defender a presidente Dilma, porque a tática de dizer que impeachment é golpe acabou sendo desmoralizado já que o impedimento é previsto na Constituição Federal e que tem leis que regulamentam o impeachment.
Cardozo deveria saber que o presidente pode perder o cargo por impeachment seja numa ação penal comum, seja num caso de improbidade.
Se as chamadas pedaladas fiscais, ferem a Lei de Responsabilidade Fiscal e comprovado o fato de desrespeito a esta lei, seja quem for o presidente, este deve responder de acordo com o que diz a lei.





Cardozo disse:"O que é um golpe? É a ruptura da institucionalidade; golpe é o rompimento da Constituição; golpe é a negação do estado de direito, não importa se é feito por armas, se é feito com canhões ou com baionetas caladas. Ou se é feito com um simples rasgar da Constituição. Sem base fática, ele é golpe".
Se Cardozo diz isso, ouso perguntar uma coisa: E mentir para os brasileiros dizendo em camapanha que vai fazer uma coisa e depois faz outra o que é? Propaganda enganosa ou é golpe? Fica a pergunta no ar. Não precisa responder, eu só queria entender!
Cardozo depois de sua fala transcrita acima,deveria ter comentado e trazido fatos de onde a Constituição está sendo rasgada como ele disse, acompanhei o que ele disse nos noticiários da noite e nenhum deles comentou que Cardozo demonstrou que a Constituição está sendo rasgada como ele disse. Este é mais um ponto onde o discurso dele é de pura retórica.




Particularmente, sou favorável ao impeachment da presidente mas, nenhum de nós tem aqui uma bola de cristal para saber qual será o resultado do processo de impedimento da presidente mas, digo isso, porque quero deixar algumas  perguntas: Se Dilma agora já não consegue governar, se ela ficar  será que terá legitimidade para continuar no cargo? Será que ela vai ter o respeito no Congresso para fazer as reformas necessárias? O país afundará ainda mais na sua crise política e econômica?
Tenho minhas dúvidas de que a presidente conseguirá governar e quanto as crises política e econômica, tenho dúvidas quanto a resposta certa mas, as chances de pensar que a situação possa piorar com Dilma ficando no cargo, me traz a preocupação de que realmente uma piora seja possivel e um agravamento seja da crise política, seja da crise econômica é temerário. 
O que é absurdo, é ver que durante  1990 e 2002 o partido da presidente apresentou nada menos do que 50 petições de impeachment contra os presidentes que estavam no cargo (veja o video abaixo com a senadora Ana Amélia que falou a respeito das petições apresentadas pelo PT) dando a entender que ao apresentar petição de impeachment contra os outros é Constitucional e, pelo discurso atual do PT, se for uma petição de pedido de impeachment contra o PT aí é golpe? Ora, é isso que eles estão dando a entender.
Vamos aguardar o desenrolar dos fatos e ver o que vai acontecer.Para ler mais sobre a notícia sobre a defesa de Dilma, clique aqui!





Blog Opinião do Franco Barni, há dois anos conquistando leitores no Brasil e no mundo!







Twitter: @FrancoBarni




*Franco Barni (MTB 29.942)

*Franco é jornalista há 20 anos, foi colaborador Jornal Correio Mariliense,  escreveu no Jornal de Lins, foi colunista do Correio de Lins, Jornal da Moóca e Revista Tatuapé. Trabalhou na AgipLiquigás do Brasil como Assessor de Comunicação Social. Para conhecer meu currículo em detalhes, clique aqui








© 2016 Blog do Franco Barni | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Divulga Lins | Designer Alêxs Silva.




Nenhum comentário :