Ministro do STF Gilmar Mendes suspende crédito extra para propaganda da presidência

"A linguagem política, destina-se a fazer com que a mentira soe como verdade e o crime se torne respeitável, bem como a imprimir ao vento uma aparência de solidez". George Orwell (Escritor e Jornalista)










Caros amigos e inimigos leitores,



Não dá para entender o raciocínio do governo e da atual presidente na lógica do crédito extra de R$ 100 milhões para propaganda.
Mas, enfim o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes determinou a suspensão deste crédito extra de R$ 100 milhões  destinados a presidência da República para gastar com mais publicidade.
A liminar (decisão provisória) concedida pelo Ministro Gilmar Mendes vem de uma ação apresentada pelo Solidariedade ao STF e questiona a constitucionalidade da medida provisória 772 que foi publicada pelo governo na sexta (29).








Esta MP abriu crédito extraordinário de R$ 180 milhões, onde daqui sairiam R$ 100 milhões para a presidência gastar com comunicação institucionale publicidade de utilidade pública e o restante, R$ 80 milhões para o Ministério do Esporte.
Em sua decisão, o ministro afirma que não entra no mérito sobre o tipo de gasto, mas avalia que essas despesas não correspondem aos critérios previstos pela Constituição para a edição de Medida Provisória para créditos extraordinários.













Convenhamos, no momento em que o Brasil está atravessando uma das piores crises políticas e econômicas é hora de gastar esta volumosa quantia em propaganda? É realmente necessário? Acredito que está na hora do governo conter suas despesas porque é fácil gastar R$ 100 milhões em propaganda e depois apresentar a conta ao povo por meio de aumento e/ou criação de novos impostos.
Fico imaginando o quanto seria economizado se o governo cortar seus gastos e acabar com o desperdício de maneira radical. Aí eu quero ver se vai ser necessário falar de mais impostos ou sobre o aumento deles. Para ler a íntegra da notícia, clique aqui!



Blog Opinião do Franco Barni, há dois anos conquistando leitores no Brasil e no mundo!







Twitter: @FrancoBarni




*Franco Barni (MTB 29.942)

*Franco é jornalista há 20 anos, foi colaborador Jornal Correio Mariliense,  escreveu no Jornal de Lins, foi colunista do Correio de Lins, Jornal da Moóca e Revista Tatuapé. Trabalhou na AgipLiquigás do Brasil como Assessor de Comunicação Social. Para conhecer meu currículo em detalhes, clique aqui










© 2016 Blog do Franco Barni | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Divulga Lins | Designer Alêxs Silva.

Nenhum comentário :